Otimista com bancos, BB-BI atualiza recomendações e preços-alvo do setor

set 25, 2018

Para o Banco do Brasil (SA:BBAS3) Investimentos (BB-BI), apesar das incertezas do cenário eleitoral, a perspectiva para os bancos brasileiros é muito mais favorável agora que há alguns anos. Os analistas destacam que o setor sofreu nos últimos anos com a pior crise da história do país.

Em 2015 e 2016, as provisões dos bancos dispararam. Entretanto, em 2017 e 2018, a diminuição das despesas de provisões foi o principal driver de crescimento para o lucro líquido dos bancos.

Agora, os analistas do BB-BI entendem que com as carteiras de crédito revertendo a tendência de queda e crescendo nas linhas mais rentáveis, principalmente em PF, é esperado ver em 2019, pela primeira vez em anos, resultados decorrentes do crescimento de receitas, carteira de crédito e receitas de tarifas.

Apesar disso, os analistas acreditam que o cenário já está incorporado aos modelos, fazendo com que as projeções sejam mantidas sem alterações, adotando novos preços-alvo para 2019. Porém, a equipe ajustou as recomendações para as ações de Bradesco (SA:BBDC4) e BTG Pactual (SA:BPAC11) a fim de refletir um novo potencial upside.

Os analistas também optaram por manter a recomendação de Market Perform para

Banco Inter (SA:BIDI4), apesar do downsize e aguardamos o resultado do terceiro trimestre para atualizar as estimativas. O BB-BI espera que o banco consolide sua base de clientes digitais e apresentar um resultado menos dependente de crédito.

Preço-alvo - recomendação

BBDC4 – R$ 43,00 – Outperform

ITUB4 (SA:ITUB4) – R$ 62,50 – Outperform

SANB11 (SA:SANB11) – R$ 45,00 – Outperform

BPAC11 – R$ 26,50 – Market Perform

BRSR6 (SA:BRSR6) – R$ 29,00 – Outperform

ABCB4 (SA:ABCB4) – R$ 21,00 – Outperform

BID4 – 21,00 – Market Perform