Índia - Ações fecharam o pregão em alta e o Índice Nifty 50 avançou 0,01%

jul 11, 2018

Índia - As ações fecharam em alta no pregão de quarta-feira, com ganhos nos setores de S&P BSE IT, S&P BSE Teck e S&P BSE Realty, levando as ações a uma alta.

No encerramento em NSE, o Índice Nifty 50 subiu 0,01%, alcançando novo nível recorde máximo de 3 meses, enquanto o Índice BSE Sensex 30 avançou 0,07%.

O melhor desempenho da sessão no Índice Nifty 50 veio das ações da Tata Consultancy Services (NS:TCS), que subiram 5,59%, o que corresponde a 104,80 pontos, sendo negociadas a 1.979,90 no fechamento do pregão. Enquanto isso, as ações da Bharti Infratel Ltd (NS:BHRI) adicionaram 3,88%, ou 11,85 pontos, terminando o dia em 317,15, e as da Bajaj Auto Ltd (NS:BAJA), que avançaram 2,19%, ou 67,65 pontos, no final das operações com 3.161,60.

O pior desempenho da sessão foi das ações da United Phosphorus (NS:UPLL), que caiu 5,28% ou 33,65 pontos, com os papéis sendo negociados a 603,45 em seu fechamento. Coal India Ltd (NS:COAL) recuou 4,90%, ou 13,65 pontos, terminando em 264,80, e Hindalco Industries (NS:HALC) diminuiu 3,60%, ou 8,25 pontos, para 220,80.

Já as principais empresas que tiveram o melhor desempenho no índice BSE Sensex 30 foram Tata Consultancy Services (BO:TCS), cujas ações subiram 5,47%, para 1.979,60, Bajaj Auto Ltd (BO:BAJA) subiu 2,33% para terminar em 3.161,05, e Hindustan Unilever (BO:HLL), que ganhou 1,59% para encerrar em 1.714,10.

Os piores desempenhos vieram de Coal India Ltd (BO:COAL), que recuou 4,59% para 265,25 no final das operações. Em seguida, a empresa Vedanta Ltd (BO:VDAN), que perdeu 3,52% e terminou em 218,00, e, por fim, a Tata Motors Ltd (BO:TAMO) que encerrou com recuo de 2,74%, para 267,85 no fechamento.

As ações em queda superaram os papéis com resultados positivos na Bolsa de valores NSE da Índia com uma diferença de 1036 a 566, enquanto 55 terminaram sem alterações; já na Bolsa de valores BSE de Bombaim, 1529 caíram contra 1020 que avançaram, enquanto 149 encerraram a sessão sem alterações.

As ações da Tata Consultancy Services (NS:TCS) avançaram, alcançando seu máximo histórico; ganhando 5,59%, ou 104,80, para 1.979,90. As ações da United Phosphorus (NS:UPLL) recuaram, alcançando seu mínimo de 52 semanas; caindo 5,28%, ou 33,65, para 603,45. As ações da Tata Consultancy Services (BO:TCS) avançaram, alcançando seu máximo de 52 semanas; aumentando 5,47%, ou 102,60, para 1.979,60. As ações da Vedanta Ltd (BO:VDAN) recuaram, alcançando seu mínimo de 52 semanas; perdendo 3,52%, ou 7,95, para 218,00. As ações da Hindustan Unilever (BO:HLL) avançaram, alcançando seu máximo histórico; ganhando 1,59%, ou 26,85, para 1.714,10.

O India VIX, que mede a volatilidade implícita das opções do índice Nifty 50, acrescentou 3,07%, para 12.7750.

Os contratos futuros de ouro para entrega em agosto, caíram 0,34%, ou 4,30, para $1.251,10 por onça troy. Em outras commodities, petróleo para entrega em agosto, recuou 0,66%, ou 0,49, para atingir $73,62 por barril, enquanto os futuros de petróleo brent para entrega em setembro, recuaram 2,18%, ou 1,72, negociados a $77,14 por barril.

O par USD/INR subiu 0,19% para 68,765, enquanto o par EUR/INR recuou 0,19%, para 80,5925.

O Índice Dólar Futuros, por sua vez, diminuiu 0,23% em 94,07.