Contratos futuros do minério de ferro têm leve valorização em Dalian

ago 31, 2018

Os contratos futuros do minério de ferro encerram a sessão desta sexta-feira, na bolsa de mercadorias de Dalian, na China, com pequena variação positiva de 0,83% a 485,00 iuanes por tonelada, nos ativos com data de vencimento no mês de janeiro do próximo ano. Dessa forma, a variação diária foi de 4 iuanes.

Para o vergalhão de aço, a sessão foi marcada por desvalorização na também chinesa bolsa de mercadorias de Xangai. O ativo de maior liquidez, para janeiro de 2019, teve queda de 45 iuanes para 4.086 iuanes por tonelada, sendo que o segundo contrato mais negociado, de outubro deste ano, perdeu 28 iuanes a 4.350 iuanes por tonelada.

Os principais índices acionários da China fecharam em queda nesta sexta-feira com a renovação dos temores de guerra comercial e apesar de novos fluxos de moeda estrangeira antes da segunda etapa de inclusão da China no MSCI na segunda-feira.

No final de um pregão volátil, o índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em Xangai e Shenzhen, recuou 0,5 por cento, assim como o índice de Xangai. Houve um fluxo repentino de dinheiro de Hong Kong nas ações chinesas através do esquema Stock Connect durante os três minutos finais de negociação.

Analistas disseram que esperam que fundos passivos do exterior reequilibrem seus portfólios antes da segunda parte da inclusão do MSCI na segunda-feira para evitar erros de rastreamento.

O sentimento no mercado foi afetado por notícia de que o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, está preparado para intensificar rapidamente a guerra comercial com a China e afirmou a seus assessores que está pronto para adotar tarifas sobre mais 200 bilhões de dólares em importações chinesas assim que o período de consulta pública sobre o plano acabar na próxima semana.

Com Reuters.