Após divulgação de prévia operacional, Carrefour opera em queda na B3

out 17, 2018

Na parte da manhã desta quarta-feira, as ações do Carrefour (SA:CRFB3) operam em queda de 0,75% a R$ 14,65. A companhia divulgou ontem que as vendas brutas do grupo cresceram 5,1% no terceiro trimestre, considerando a mesma base de lojas de um ano antes.

Usando também a mesma base comparável, mas por unidade de negócios, as vendas do Atacadão cresceram 6,2% no período, enquanto as do Carrefour avançaram 3%(com gasolina).

Na avaliação da Coinvalores, em nota enviada para clientes na manhã de hoje, mesmo apresentando melhora no período, o destaque é que que seu principal concorrente, GPA (SA:PCAR4), já havia reportado prévia mostrando números melhores que os do Carrefour.

O faturamento do grupo, incluindo as redes Carrefour e Atacadão, somou 13,97 bilhões de reais de julho a setembro, aumento de 8,1 por cento. Excluindo gasolina, as vendas avançaram 8,3 por cento. Por segmentos, o Atacadão teve alta de 11,2 por cento nas vendas totais, para 9,47 bilhões de reais, enquanto o Carrefour registrou avanço de 2,2 por cento, para 4,5 bilhões de reais.

De janeiro a setembro, as vendas consolidadas do grupo somaram 40,5 bilhões de reais incluindo gasolina, alta de 6,6 por cento ante mesma etapa de 2017.

O grupo fechou setembro com uma rede de 652 lojas, incluindo 160 do Atacadão e 101 hipermercados Carrefour, ante 605 unidades 12 meses antes. No período houve a abertura de 13 novas lojas Atacadão e redução de 2 do Carrefour.

O balanço da companhia do terceiro trimestre será divulgado no dia 7 de novembro depois do fechamento do mercado.

Com Reuters.