Após divulgação de balanço, ações dos laboratórios Fleury recuam 3% na B3

jul 27, 2018

A rede de laboratórios de exames Fleury (SA:FLRY3) opera com desvalorização na tarde desta sexta-feira na B3, perdendo 3,01% a R$ 27,05. A companhia divulgou o balanço do segundo trimestre do ano, com números que ficaram dentro do esperado pelo mercado.

Para analistas do Itaú BBA, o Fleury divulgou resultados em linha com a expectativas, com tendências divergentes. Por um lado, citou a equipe do Itaú BBA, os dados mostraram crescimento mais fraco pela marca Fleury. Do outro lado, o desempenho impressionante das marcas regionais, combinado com a notável capacidade da empresa de expandir as margens operacionais, sustentou um resultado sólido, notaram.

Para a Coinvalores, os números também ficaram dentro do esperado. O grupo de medicina diagnóstica registrou crescimento de 12,7% na receita líquida e de 18,1% no EBITDA, mas o lucro líquido recuou 1,5% diante da menor posição de caixa da companhia frente a registrada no mesmo período do ano passado.

Para os analistas, isso ocorreu em meio ao forte processo de expansão orgânica do grupo que ainda atravessa o processo de maturação das unidades novas que deverão elevar suas margens operacionais nos próximos trimestres.

Em virtude do resultado dentro do esperado, a corretora não esperava grandes reações dos papéis na bolsa. Porém, destacaram que a empresa distribuirá aos acionistas posicionados na próxima terça-feira, dia 31, juros sobre o capital próprio equivalente a R$ 0,16 líquido por ação, aproximadamente, que serão pagos em 15 de agosto. O yield desse pagamento é pequeno, de 0,6%, considerando a cotação de fechamento de ontem.