Ações do Banco ABC recuam com queda do lucro líquido no primeiro trimestre

mai 04, 2018

Investing.com - O Banco ABC Brasil (SA:ABCB4) divulgou nesta sexta-feira que registrou, no primeiro trimestre do ano, lucro de R$ 108,5 milhões, o que representa queda de 1,9% na comparação anual. Diante disso, as ações da instituição recuam 1,20% a R$ 17,35.

De acordo com o banco, a queda é explicada pela redução da margem financeira, pressionada pela retração da receita do patrimônio líquido remunerado a CDI. O ABC também informou que houve crescimento da receita de serviços, explicado pela expansão das receitas com tarifas e com garantias prestadas, que compensaram a menor contribuição das receitas geradas pelo banco de investimento.

Na visão da Coinvalores, os números vieram dentro do esperado. A margem financeira do banco foi pouco menor, especialmente pelo resultado da tesouraria, que caiu de R$ 73,5 milhões quarto trimestre de 2017 para R$ 50,5 milhões agora. Já as receitas de serviços também se retraíram. Esses efeitos foram parcialmente compensados pela retração nas despesas com PDD e pelo bom controle de custos do ABC.

O Itaú BBA destaca para a melhora importante na qualidade da carteira, como o principal ponto positivo do balanço do ABC. No entanto, a visão é que a margem financeira e receita com tarifas decepcionaram. Os analistas do banco entendem que a rentabilidade que se mostra modesta limita reavaliação da recomendação. Diante disse, foi mantido o preço-alvo em R$ 21,00 e a recomendação Market Perform.