Mercados asiáticos em queda; Eleições parlamentares dos EUA em destque

nov 07, 2018

Os mercados asiáticos caíram no pregão da tarde de quarta-feira. As eleições legislativas americanas, como várias rede incluindo Fox, NBC, CNN e FiveThirtyEight, diziam, mostraram que os democratas haviam conquistado o controle da Câmara dos Deputados, dividindo o Congresso e aumentando a capacidade do partido de bloquear a agenda política e econômica de Donald Trump.

Os republicanos devem ampliar sua maioria no Senado.

Enquanto muitos temiam que um Congresso dividido pudesse levar a um impasse político em Washington, sufocando a capacidade do presidente Donald Trump de implementar medidas expansivas de política fiscal, alguns em Wall Street lembraram aos investidores que os mercados geralmente se saem bem nesses tempos.

"Os mercados geralmente se saem bem em meio a um impasse", disse o Bank of America Merrill Lynch NYSE:BAC). "Um projeto modesto de infra-estrutura pode ter apoio bipartidário, o que poderia elevar os industriais e os suprimentos".

"Tornou-se claramente difícil para os republicanos aprovar aumentos adicionais de impostos ou emendas aos regulamentos às instituições financeiras, como a Dodd-Frank, por exemplo", disse Tomoaki Shishido, analista de renda fixa da Nomura Securities.

Na Ásia, o Shanghai Composite da China e o Shenzhen Component caíram 0,6% e 0,4%, respectivamente. O Hang Seng de Hong Kong teve baixa de 0,2%.

A gigante de tecnologia Tencent Holdings Ltd HK:0700) disse que colocaria um limite de idade em todos os seus jogos online, que já estão sofrendo com a queda das receitas, até 2019.

A Tencent primeiro colocou uma restrição de idade em seu popular jogo "Honor of Kings" depois de receber reclamações de pais irados em julho de 2017. Crianças menores de 18 anos só podem jogar o jogo por uma ou duas horas por dia. A empresa também introduziu recentemente um sistema de registro de nomes reais para o jogo e está testando o software de reconhecimento facial. Outros nove jogos e o restante dos títulos do Tencent terão a mesma restrição neste ano e em 2019.

As autoridades chinesas não emitiram novas licenças para jogos desde março.

De acordo com o provedor de inteligência da indústria de jogos, a NewZoo, a Tencent é a maior editora de videogames do mundo. A empresa registrou sua primeira queda no lucro desde 2005 neste verão devido à menor receita de jogos. O Ministério da Educação da China informou em 30 de agosto, que controlará o número de videogames para combater a miopia no país. As ações da Tencent em Hong Kong caíram 4,9% para HK$ 340 (US$ 43) no dia seguinte.

Em outros lugares, o Nikkei do Japão caiu 0,1%, enquanto o KOSPI da Coréia do Sul também caiu 0,2%.

No extremo sul, o S&P/ASX 200 da Austrália subiu 0,4%.

Em outras notícias, a publicação financeira on-line Moneylife noticiou na quarta-feira que o governador do banco central da Índia, Urjit Patel poderia demitir-se na próxima reunião do conselho em 19 de novembro.