Draghi: Juros inalterados até o final do verão de 2019

jul 26, 2018

Mario Draghi, presidente do Banco Central Europeu, reiterou nesta quinta-feira que as taxas de juros da zona do euro permanecerão inalteradas nos níveis atuais até o final do verão de 2019, reforçando a crescente divergência de política monetária com o Federal Reserve.

Os comentários ocorreram depois que o BCE deixou as taxas de juros inalteradas na conclusão de sua mais recente reunião de definição de política monetária, uma decisão amplamente esperada.

Draghi disse que a economia da zona do euro ainda precisa de "estímulo significativo na política monetária", apesar de anunciar planos no mês passado de encerrar o programa de flexibilização quantitativa do banco no final do ano.

"É ainda necessário um estímulo significativo à política monetária para apoiar o aumento das pressões internas sobre os preços e a evolução da inflação a médio prazo", disse Draghi na entrevista coletiva após a reunião do banco central em Frankfurt.

Draghi disse que é "muito cedo" para avaliar o impacto do acordo entre a Europa e os EUA para cooperar no comércio, mas disse que é um bom sinal.

"É um bom sinal, porque de certa forma mostra que há uma disposição para discutir questões comerciais em um contexto multilateral novamente", disse ele.

Draghi também observou que a incerteza em torno da perspectiva de inflação está diminuindo e disse que os riscos para as perspectivas de crescimento permanecem amplamente equilibrados.