Após feriado prolongado chinês, minério de ferro encerra com alta em Dalian

out 08, 2018

Depois de ficar fechada por praticamente uma semana, a bolsa de mercadorias de Dalian voltou aos negócios, fazendo com que os contratos do minério de ferro registrassem valorização na sessão desta segunda-feira. O ativo com data de vencimento em janeiro de 2019 teve ganhos de 1,01%, fechando assim o dia negociado a 498,00 iunes por tonelada do produto.

Em Xangai, a bolsa de mercadorias também retomou as atividades, com os contratos do vergalhão de aço encerrando o dia valorização. Os papéis com data de entrega em janeiro do ano que vem, os mais negociados, tiveram ganhos de 29 iuanes para um total de 3.971 iuanes por tonelada. No caso de maio de 2019, o segundo ativo mais líquido, foram registradas perdas de 7 iuanes para 3.704 iuanes por tonelada.

Os índices acionários chineses caíram nesta segunda-feira, com os investidores de volta após feriado prolongado dispensando as ações apesar do movimento de Pequim no final de semana para estimular mais empréstimos em um momento de crescentes temores sobre o impacto econômico da guerra comercial entre os Estados Unidos e a China.

Pequim ampliou o suporte à liquidez no sistema financeiro este ano com as autoridades focando em acalmar os temores acerca de saída de capital e buscou aliviar os mercados mesmo com o crescimento do nervosismo de que a guerra comercial com os Estados Unidos pode provocar danos à economia.

"Há uma grande falta de confiança no mercado. Poucos investidores estão comprando", disse Alvin Ngan, analista da corretora Zhongtai International. "A economia da China está sob forte pressão de queda e você precisa de tempo para analisar se as recentes medidas de flexibilização são eficazes ou não", acrescentou.

O banco central da China anunciou no domingo corte de 1 ponto percentual na taxa de compulsório dos bancos, ampliando os esforços para sustentar a economia e acalmar as preocupações do mercado.

Com Reuters.