Ações - Mercado futuro dos EUA estável com escalada da guerra comercial EUA-China

ago 08, 2018

O mercado futuro dos EUA permanecia estável nesta quarta-feira, com a escalada da guerra comercial sino-americana enquanto investidores esperavam por resultados corporativos.

Os futuros do S&P 500 avançavam 1 ponto, ou 0,03%, para 2.860,75 às 07h50 enquanto os futuros do Dow subiam 12 pontos, ou 0,05%, e marcavam 25.612,0. Enquanto isso, o índice de tecnologia de futuros do NASDAQ 100 recuava meio ponto, ou 0,01%, para 7.476,75.

Os EUA anunciaram na terça-feira que vão impor uma tarifa de 25% sobre US$ 16 bilhões em produtos chineses em 23 de agosto, já que a guerra comercial entre as duas maiores economias do mundo se intensifica. É o segundo conjunto de tarifas contra a China em dois meses. Pequim provavelmente retaliará, dólar por dólar, com seu próprio conjunto de tarifas.

Os resultados continuam a ser divulgados nesta quarta-feira, com CVS Health (NYSE:CVS), Twenty-First Century Fox Inc (NASDAQ:FOX), Yelp Inc (NYSE:YELP) e Michael Kors Holdings Limited (NYSE:KORS) entre algumas das empresas que apresentarão seus números.

Snap Inc. (NYSE:SNAP) estava entre as principais ganhadoras antes do pregão, saltando 1,14% após ter superado as expectativas de vendas dos analistas apesar de uma queda em usuários ativos diariamente. Facebook (NASDAQ:FB) subia 0,30% enquanto General Electric (NYSE:GE) estava em alta de 0,68%.

Por outro lado, Tesla (NASDAQ:TSLA) caía 0,94%. A companhia subiu 11% na terça-feira depois que Elon Musk, seu diretor-geral, disse que estava considerando a possibilidade de fechar o capital da fabricante de carros de luxo. Walt Disney Company (NYSE:DIS recuava 1,04% após seus resultados terem ficado aquém das expectativas.

Na Europa, as bolsas estavam em diferentes direções. O DAX da Alemanha caía 9 pontos ou 0,07%, o CAC 40 da França avançava meio ponto ou 0,01% e o FTSE 100 de Londres tinha alta de 59 pontos ou 0,77%. Enquanto isso, o índice pan-europeu EURO STOXX 50 recuava 3 pontos ou 0,10% enquanto o IBEX 35 tinha queda de 13 pontos ou 0,14%.

Com relação a commodities, os contratos futuros de ouro avançavam 0,09% para US$ 1.219,40 a onça troy, ao passo que os contratos futuros de petróleo dos EUA subiam 0,04% e eram negociados a US$ 69,20 o barril. O índice dólar, que mede a força da moeda frente a uma cesta ponderada de seis principais divisas, avançava 0,03% para 95,03.