XP mantém recomendação neutra e preço-alvo em R$ 20 para Petrobras

ago 03, 2018

Destaque na bolsa paulista nesta sexta-feira, as ações da Petrobras (SA:PETR4) operam com ganhos de 3,97% a R$ 21,24, pesando positivamente para o resultado parcial do principal índice da bolsa paulista.

Para a XP Investimentos, os números da estatal foram positivos, atendendo as expectativas do mercado. Apesar disso, o resultado foi melhor do que o esperado pela corretora. Outro ponto de destaque, segundo os analistas, é a geração de caixa durante o trimestre, embora ressaltem que Nem todas as receitas foram registradas em regime de caixa, uma vez que a empresa ainda não recebeu subsídios para o diesel da ANP.

Com os fundamentos de curto prazo da Petrobras razoavelmente garantidos pelo programa de subsídios ao diesel, a XP acredita que o mercado mudará seu foco para os desenvolvimentos no campo política e outros temas, como a aprovação pendente do Projeto de Lei de Transferência de Direitos no Senado.

A XP tem recomendação neutra para as ações da estatal, com preço-alvo de R$ 20,00 para PETR4 e R$ 19,00 para PETR3 (SA:PETR3).

A Petrobras registrou um lucro líquido de R$ 10,072 milhões no 2T18, contra uma estimativa de perdas líquidas de R$ 10,8 milhões e um consenso positivo de R$ 7,191 milhões. O EBITDA ajustado de R$ 31.041 milhões (incluindo subsídios a diesel) ficou 9,6% acima estimativa da XP de R$ 28,322 milhões (que excluíam os subsídios), mas alinhado com o consenso em R$ 30,153 milhões.

A diferença na linha de lucro refletiu principalmente os maiores resultados operacionais, além de efeitos não recorrentes como + R$ 2.068 milhões relacionados à renegociação dos passivos da Eletrobras (SA:ELET3), R$ 1.138 milhões em perdas relacionadas à venda do campo de Roncador e R$ 1.477 de perdas cambiais no passivo da class action noes EUA.