Stocks - Wall Street abre em baixa após divulgação de dados

mai 17, 2018

Investing.com - Wall Street abriu em baixa nesta quinta-feira com o aumento dos rendimentos dos títulos do Tesouro dos EUA continuando a pesar nos mercados, o que compensava dados econômicos contraditórios.

O S&P 500 caía seis pontos, ou 0,25%, e estava em 2,715,62 pontos às 10h45 enquanto o Dow Composite recuava mais de 87 pontos, ou 0,36%, para 24.756,74 pontos. O índice de tecnologia NASDAQ Composite estava em baixa de 20 pontos, ou 0,28%, e marcava 7.377,46 pontos.

As bolsas caíram após dados econômicos contraditórios. O número de pessoas que solicitaram assistência ao desemprego nos EUA na semana passada teve aumento de 11.000, que foi maior do que o esperado, ao passo que outro relatório mostrou que as empresas estão otimistas em relação ao futuro. O índice da atividade industrial do Fed de Filadélfia subiu para 34,4 em maio a partir de 23,2 em abril.

Rendimentos mais altos dos títulos do Tesouro dos EUA permanecem nas mentes dos investidores, com o rendimento do título com vencimento em 10 anos, tomado como referência, chegando a 3,096, após ter atingido a máxima de sete anos, de 3,119, ainda durante a sessão. À medida que rendimentos de títulos sobem, os preços destes caem.

O aumento dos rendimentos dos títulos, combinado com o fortalecimento da inflação, aumentou as expectativas de que o Federal Reserve irá endurecer a política monetária.

Ações do setor de tecnologia estavam em baixa, com Cisco Systems Inc (NASDAQ:CSCO) caindo 3,92% após projeções decepcionantes, Amazon.com (NASDAQ:AMZN estava em baixa de 0,30% e Netflix (NASDAQ:NFLX) recuava 0,16%. A gigante varejista Walmart (NYSE:WMT) estava em baixa de 0,55% mesmo após ter divulgado resultados melhores do que o esperado, ao passo que General Electric (NYSE:GE) recuava 0,40%.

Por outro lado, Macy’s Inc (NYSE:M) subia 1,57% ao passo que Coca-Cola Company (NYSE:KO) avançava 0,96%.

Na Europa, as bolsas estavam em alta. O DAX da Alemanha subia 78 pontos ou 0,61%, o CAC 40 da França avançava 29 pontos ou 0,52% e o FTSE 100 de Londres tinha alta de 31 pontos ou 0,40%. Enquanto isso, o índice pan-europeu Euro Stoxx 50 tinha alta de 16 pontos ou 0,45% enquanto o IBEX 35 da Espanha subia 73 pontos ou 0,72%.

Com relação a commodities, contratos futuros de ouro recuavam 0,26% para US$ 1.288,10 a onça troy, ao passo que contratos futuros de petróleo dos EUA avançavam 0,36% para US$ 71,75 o barril. O índice dólar, que mede a força da moeda frente a uma cesta ponderada de seis principais divisas, avançava 0,20% para 93,46.