Portugal - Ações fecharam o pregão em queda e o Índice PSI 20 recuou 1,59%

ago 15, 2018

Portugal - As ações fecharam em queda no pregão de quarta-feira, com perdas nos setores de Materiais básicos, Industriais e Finanças, levando as ações a uma baixa.

No encerramento em Lisboa, o Índice PSI 20 recuou 1,59%, alcançando novo nível recorde mínimo de 1 mês.

O melhor desempenho da sessão no Índice PSI 20 veio das ações da Corticeira Amorim (LS:CORA), que subiram 0,75%, o que corresponde a 0,080 pontos, sendo negociadas a 10,720 no fechamento do pregão. Enquanto isso, as ações da Ibersol Reg (LS:IBS) adicionaram 0,21%, ou 0,020 pontos, terminando o dia em 9,600, e as da CTT Correios de Portugal SA (LS:CTT), que não tiveram alteração 0,00%, ou 0,0000 pontos, no final das operações com 3,1640.

O pior desempenho da sessão foi das ações da The Navigator Company SA (LS:NVGR), que caiu 4,45% ou 0,2000 pontos, com os papéis sendo negociados a 4,2960 em seu fechamento. Altri SGPS SA (LS:ALSS) recuou 3,62%, ou 0,3100 pontos, terminando em 8,2600, e Galp Energia (LS:GALP) diminuiu 2,46%, ou 0,4350 pontos, para 17,2500.

As ações em queda superaram os papéis com resultados positivos na Bolsa de valores de Lisboa com uma diferença de 23 a 8, enquanto 6 terminaram sem alterações.

Os contratos futuros de petróleo brent para entrega em outubro, caíram 1,93%, ou 1,40, para $71,06 por barril. Em outras commodities, petróleo para entrega em setembro, recuou 2,92%, ou 1,96, para atingir $65,08 por barril, enquanto os futuros de ouro para entrega em dezembro, recuaram 1,34%, ou 16,10, negociados a $1.184,60 por onça troy.

O par EUR/USD subiu 0,02% para 1,1347, enquanto o par EUR/GBP avançou 0,16%, para 0,8931.

O Índice Dólar Futuros, por sua vez, diminuiu 0,04% em 96,59.