Petrobras, Magazine Luiza e Gerdau são destaques em semana recheada de balanços

mai 07, 2018

Investing.com - A segunda semana de maio terá como destaque um calendário recheado de divulgações de resultados empresas com importante peso na bolsa. A expectativa é que empresas como Magazine Luiza, Marcopolo, MRV, Petrobras, Tim, Gerdau, Azul, B2W, CVC e Lojas Americanas apresentem números positivos. Com destaques negativos para BB Seguridade e Totvs.

Para o Magazine Luiza (SA:MGLU3), o Itaú BBA estima que os números sejam positivos, indicando tendência de alta para o ativo no curto prazo. Os números da varejista são serão divulgados nesta segunda-feira, após do fechamento das bolsas. O consenso do mercado é de receitas de R$ 3,38 bilhões.

No caso de BB Seguridade (SA:BBSE3), que já divulgou o resultado do trimestre, o Itaú BBA estimava números negativos com tendência de baixa nos ativos para o curto prazo. O consenso do mercado era de R$ 0,46 de lucro líquido e receitas de R$ 1,21 bilhão.

Também hoje após o fechamento do mercado serão conhecidos os números da Marco Polo, que também tem estimativa positiva de alta no curto prazo na visão dos analistas do banco. O consenso do mercado é de lucro líquido por ação de R$ 0,03 e faturamento de R$ 756,5 milhões.

Para MRV Engenharia (SA:MRVE3), a expectativa para o resultado também é positiva, mas com tendência de curto prazo indefinida. O Itaú BBA coloca como suporte R$ 14,30 e R$ 15,30 para resistência.

No caso da Marco Polo (SA:POMO4), a estimativa é de lucro líquido por ação de R$ 0,03 e faturamento de R$ 756,51. Os analistas do banco também colocam a estimativa positiva e tendência de valorização para o curto prazo.

Na terça-feira pela manhã será a vez dos números da Petrobras (SA:PETR4). O consenso do mercado é de lucro por ação de R$ 0,43 e receita para o primeiro trimestre em R$ 79,88 bilhões. Para o Itaú BBA, a aposta é de resultado positivo, com a tendência de curto prazo também de valorização para os ativos.

Também na terça-feira serão conhecidos os números da Tim (SA:TIMP3) dos três primeiros meses do ano, com consenso de mercado de lucro de R$ 0,10 por ação e faturamento de R$ 4,12 bilhões. A aposta do Itaú BBA também é de números positivos com valorização dos ativos no curto prazo.

Na quarta-feira, a Gerdau (SA:GGBR4) divulga seus números do trimestre, com os analistas do banco estimando resultado positivo e tendência da alta no prazo mais curto. O consenso de mercado é de R$ 0,19 de lucro líquido por ação e faturamento de R$ 10,5 bilhões no período.

Já para Totvs (SA:TOTS3), o Itaú BBA espera resultado negativo para os três primeiros meses do ano, mas ainda apostando na alta do ativo no curto prazo. O mercado espera lucro líquido por ação de R$ 0,25 e faturamento de R$ 597,58 milhões.

Na quinta-feira, a Azul (SA:AZUL4) divulga seus números, com os analistas do banco estimando números positivos, mas com tendência de queda para o curto prazo. As ações têm, na visão do Itaú BBA, suporte em R$ 35,60 e resistência em R$ 37,50.

Para B2W (SA:BTOW3), o consenso do mercado é lucro líquido por ação de R$ 0,16 e faturamento de R$ 1,6 bilhão para o período. A expectativa do Itaú BBA é de números positivos e tendência de alta para os ativos no curto prazo.

No caso da CVC (SA:CVCB3), que também divulga balanço na quinta-feira, a aposta do mercado é de receitas de R$ 350,8 milhões nos três primeiros meses do ano. Os analistas do banco esperam resultado positivo com estimativa indefinida no prazo mais curto.

Já para Lojas Americanas (SA:LAME4), a avaliação do Itaú BBA também é de resultado positivo com valorização do ativo no curto prazo. O consenso do mercado traz estimativa de lucro líquido de R$ 0,02 por ação e faturamento de R$ 3,31 bilhões.

Com Money Times