Moedas - Dólar sobe com alívio de preocupações com guerra comercial

mai 21, 2018

Investing.com - O dólar norte-americano atingia nova máxima do ano uma vez que as tensões da guerra comercial entre os EUA e a China foram suspensas.

O índice dólar, que mede a força da moeda frente a uma cesta ponderada de seis principais divisas, avançava 0,28% para 93,84 às 06h27.

A guerra comercial entre os EUA e a China está suspensa, já que os dois países trabalham em um acordo comercial, afirmou Steven Mnuchin, secretário do Tesouro dos EUA, no domingo. Os dois países estiveram envolvidos em disputas tarifárias retaliatórias nos últimos meses, mas se reuniram na semana passada em Washington para discutir suas diferenças comerciais.

A moeda norte-americana também mantinha sustentação devido ao rendimento dos títulos que chegava à máxima de sete anos. O rendimento do título norte-americano com vencimento em dez anos subia para 3,076 após ter atingido 3,082 durante a noite.

O aumento dos rendimentos dos títulos, combinado com dados econômicos positivos e o fortalecimento da inflação, aumentou as expectativas de que o Federal Reserve irá endurecer a política monetária.

O Fed elevou as taxas de juros em março e deverá realizar mais dois aumentos ainda neste ano, com alguns investidores esperando um terceiro aumento.

Expectativas de taxas de juros mais altas tendem a impulsionar o dólar por tornarem a moeda norte-americana mais atrativa a investidores que buscam bons rendimentos.

O dólar estava em alta frente ao iene, considerado porto seguro, com o par USD/JPY avançando 0,48% para 111,29.

O euro estava em baixa devido a incertezas políticas na Itália e a uma operação venda de ações, com o par EUR/USD recuando 0,30% para 1,1735.

A libra esterlina também estava em baixa em meio a incertezas sobre as negociações do Brexit. O par GBP/USD caía 0,50% e era negociado a 1,3403.

Enquanto isso, o dólar canadense estava em alta, com o par USD/CAD recuando 0,16% para 1,2863.

Já o dólar australiano estava em baixa, com o par AUD/USD avançando 0,16% para 0,7522, enquanto o par NZD/USD recuava 0,27% para 0,6896.