Moedas - Dólar cai após China cancelar conversa sobre comércio

set 24, 2018

O dólar caiu em relação a outras moedas na segunda-feira, enquanto o nervosismo da guerra comercial assusta os investidores.

O índice dólar, que mede a força da moeda em comparação com a cesta das seis principais moedas, caía 0,07%, para 93,72, às 5h53.

A China cancelou negociações comerciais de médio nível com os EUA, bem como uma proposta de visita a Washington pelo vice-primeiro-ministro Liu He, que havia sido marcada para esta semana, informou o Wall Street Journal.

"A porta para as negociações comerciais está sempre aberta, mas as negociações devem ser realizadas em um ambiente de respeito mútuo", informou a agência estatal de notícias Xinhua. Negociações “não podem ser realizadas sob a ameaça de tarifas”.

A China acrescentou outros US$ 60 bilhões aos produtos americanos em sua lista de tarifas na semana passada, enquanto as tarifas dos EUA sobre o equivalente a US$ 200 bilhões em produtos chineses entraram em vigor às 0h01 em horário de Washington (01h01 em horário de Brasília).

O dólar estava em alta frente ao iene, considerado porto seguro, com o par dólar/iene avançando de 0,05% para 112,65. Em momentos de incerteza, os investidores tendem a investir no iene japonês, que é considerado um ativo seguro durante os períodos de aversão ao risco.

O euro reduziu as perdas anteriores com dólar mais fraco. O par EUR/USD avançava 0,11%, para 1,1761.

A libra esterlina permaneceu em foco, enquanto a maioria do gabinete da primeira-ministra, Theresa May, apoiava um acordo de comércio no estilo do Canadá com a União Europeia, informou o Telegraph.

A notícia vem dias depois de May, dizer que o Reino Unido e a UE estavam em um impasse nas negociações do Brexit. O par GBP/USD subia 0,31% para 1,3110.

O dólar australiano estava mais fraco, com o par AUD/USD caindo 0,26% para 0,7271, enquanto o par NZD/USD caia 0,19% para 0, 6677 e o USD/CAD subia 0,18% para 1,2938.