Magliano divulga carteira semanal com Bradesco, Cemig, Itaúsa, Sabesp e Vale

jul 23, 2018

Na manhã desta segunda-feira a Magliano corretora divulgou a carteira recomendada de ações para a semana, com a presença de Bradesco (SA:BBDC4) PN, Cemig (SA:CMIG4) PN, Itaúsa (SA:ITSA4) PN, Sabesp ON (SA:SBSP3) e Vale (SA:VALE3), tendo em vista os balanços que serão divulgados pelas companhias nos próximos dias.

Os analistas justificam a escolha de Bradesco, mesmo após a alta de 11% em julho, uma vez que os papéis estão sendo negociados a um múltiplo PL2018E de 9,0X. Esse patamar, na visão da corretora, justifica a exposição neste momento.

Sobre a Cemig, a recomendação se dá pelo patamar interessante de negociação a um múltiplo VF/EBITDA em aproximadamente 6,0x. Um ponto que pode favorecer as ações é o resultado da eleição para govenador de Minas Gerais. A sugestão pelo papel demonstra uma postura defensiva em um momento de mercado incerto.

A Magliano indica Itaúsa PN por ser um meio indireto, e barato, para se posicionar em Banco Itaú Unibanco (SA:ITUB4). Eles destacam que as ações de bancos brasileiros têm sido penalizadas pela saída de recursos em Bolsa e pela lentidão da reação da economia. No médio prazo, os analistas mantêm o setor de bancos como um dos referidos na Bolsa Brasileira.

Apesar da alta de 2,3% acumulada em julho, ações da Sabesp continuam a registrar desempenho altamente negativo no ano: queda de 28,9%. Estão sendo negociadas a múltiplo VF/EBITDA de aproximadamente 4,8x, patamar bastante descontado. Assim como a Cemig, a Magliano também acredita que os papéis podem se beneficiar do resultado da eleição para o Governo de São Paulo, e passar por período de gradual ganhos de eficiência.

Por fim, Vale é um player de proteção a possível desvalorização do real, negociada a múltiplos atraentes. Mesmo que a taxa de câmbio volte das máximas de por volta de R$3,85, ainda assim deverá permanecer a níveis superiores daqueles de antes do recente stress do mercado.