Gol avança com aérea prevendo melhor resultado no segundo trimestre

jul 06, 2018

Investing.com - No início da sessão desta sexta-feira na bolsa brasileira, as ações da Gol (SA:GOLL4) operam com valorização de 2,54% a R$ 10,88. O mercado reage positivamente à prévia operacional da companhia que aponta que o segundo trimestre do ano deve ser superior aos três primeiros meses de 2018.

Ontem, após o fechamento do pregão, a aérea divulgou que registrou alta de 6,7% na demanda doméstica em junho em relação ao mesmo mês do ano passado, enquanto a oferta subiu 5,9% na mesma base de comparação.

Com o resultado do mês passado, a Gol fechou o segundo trimestre com alta de 4,2% na demanda doméstica e de 2,9% na oferta.

A taxa de ocupação nos voos domésticos foi de 79,6% em junho, alta de 0,6 ponto percentual em relação ao mesmo mês do ano passado. De abril a junho, a taxa de ocupação foi de 79,3%, alta de 1 ponto percentual.

O resultado do mercado doméstico em junho compensou o desempenho no segmento internacional e puxou a demanda total no mês passado, que teve alta de 4,6% no mês passado, enquanto a oferta aumentou em 4,7%. A taxa de ocupação total no período caiu 0,1 ponto percentual, para 78%.

A companhia informou também que estima divulgar crescimento de 7,5 a 8 por cento na receita unitária de passageiro do segundo trimestre em relação ao mesmo período do ano passado.

A empresa também previu que vai divulgar uma margem de lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda) do segundo trimestre de 8 a 8,5 por cento. A margem Ebit é projetada em 1 a 1,5 por cento.

Na visão dos analistas da Coinvalores, a única notícia negativa no trimestre deve ser mesmo a pressão no preço do combustível, já largamente precificado pelo mercado. Com isso, a expectativa é de uma reação positiva dos papéis da aérea.

Com Reuters.