Gás natural dos EUA começa a semana em alta devido a previsões de calor

jun 11, 2018

Investing.com - Os contratos futuros de gás natural começavam a semana em território positivo nesta segunda-feira, com os modelos de previsão climática atualizados apontando para temperaturas acima da média cobrindo a maior parte dos EUA durante as próximas duas semanas.

Isso deve ajudar a impulsionar a demanda pelo combustível por conta da necessidade de resfriamento no início do verão.

Os contratos futuros de gás natural dos EUA saltavam US$ 0,052, ou cerca de 1,8%, sendo negociados a US$ 2,943 por milhão de unidades térmicas britânicas às 11h15.

Na semana passada, a commodity teve perdas em torno de 2,4%.

A cotação do gás natural acompanhava de perto a previsão do tempo nas últimas semanas, já que investidores tentam avaliar o impacto das mudanças do clima na demanda de resfriamento do verão.

Enquanto isso, participantes do mercado aguardam os dados de armazenamento desta semana, que devem ser divulgados na quinta-feira. Os analistas prevêem um aumento de entre 83 e 93 bilhões de pés cúbicos na semana encerrada em 8 de junho.

Isso se compara a um aumento de 92 bilhões de pés cúbicos na semana anterior, aumento de 78 bilhões no ano anterior e um aumento médio de cinco anos de 91 bilhões de pés cúbicos.

O total de gás natural em estoque atualmente chega a 1,817 trilhão de pés cúbicos de acordo com a Administração de Informação de Energia dos EUA.

Esse número é 79 bilhões de pés cúbicos, ou cerca de 30,5%, menor do que os níveis neste período do ano em comparação a um ano atrás e 512 bilhões de pés cúbicos, ou cerca de 22%, abaixo da média de cinco anos referente a este período do ano.

Os níveis altos recordes de produção doméstica ofuscaram o fato de que os estoques estão bem abaixo de suas médias sazonais para esta altura do ano.