Eletrobras recua Equatorial arrematando Cepisa com lance único

jul 26, 2018

Na reta final da manhã desta quinta-feira, as ações da Eletrobras (SA:ELET3) operam com forte desvalorização de 2,57% a R$ 17,46, com o leilão de venda da Cepisa atraindo apenas o interesse da Equatorial Energia (SA:EQTL3).

A Equatorial, que arrematou a distribuidora, era considerada uma das favoritas na disputa. No entanto, a equipe do Credit Suisse, por exemplo, esperava que o leilão também atraísse o interesse da Energisa (SA:ENGI4), Enel (MI:ENEI) Americas e Iberdrola/Neoenergia. Caso isso tivesse acontecido, o valor a ser recebido poderia ser maior.

A Equatorial foi a única proponente, vencendo o leilão de privatização realizado pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) na manhã de hoje na B3.

Pelas regras do leilão, seria considerada vencedora a proponente que oferecesse o lance com maior índice de deságio na flexibilização tarifária, que deveria ser acima de zero. A Equatorial ofereceu, em envelope lacrado, o índice de 119.

A Cepisa foi a primeira das seis distribuidoras da Eletrobras a ser privatizada. No último dia 18, o BNDES havia afirmado que manteria a realização do leilão no dia 26, após uma decisão judicial ter suspendido uma liminar que impedia o leilão das subsidiárias da Eletrobras.