Cosan lidera Ibovespa após desistir de incorporação com braço de logística

nov 05, 2018

No início da sessão desta segunda-feira, as ações da Cosan (SA:CSAN3) operam com forte valorização de 8,36%, a R$ 35,38, liderando assim os ganhos do Ibovespa, com a notícia de que a companhia cancelou a incorporação da Cosan Logística (SA:RLOG3), levando em consideração às preocupações dos investidores. Já Rumo tem alta de 0,36% a R$ 16,76.

Para a Mirae Asset, a notícia é positiva para a Rumo e também para a Cosan, pois retira do ar qualquer possível dúvida sobre a operação. Os analistas acreditam em numa reação positiva para a RAIL3 (SA:RAIL3) e CSAN3, mantendo a recomendação de compra, com upside de 12% para a RAIL3 e de 52% para a CSAN3.

A operação, justificada pela empresa para simplificar e otimizar a estrutura societária do grupo, bem como reduzir custos, fora anunciada em 24 de outubro. À época, a companhia disse que pretendia implementar a mudança em até 12 meses.

"Após a divulgação do fato relevante, a diretoria da companhia recebeu diversos questionamentos de acionistas e investidores quanto à extensão e efetividade da simplificação proposta. Em atenção às preocupações demonstradas, o grupo decidiu cancelar a operação anunciada", afirmou a Cosan no comunicado assinado pelo diretor Financeiro e de Relações com Investidores, Marcelo Martins.

"A Cosan reitera seu compromisso com a transparência e norteará qualquer operação que venha a ser apresentada ao mercado pelas melhores práticas de governança, de modo a preservar os interesses da companhia, seus acionistas e do mercado em geral", concluiu.

Dessa forma, as ações da Cosan Logística despencam 5,42% a R$ 12,22.

Com Reuters.