Bitcoin em alta, Mastercard tenta acelerar pagamentos com criptomoedas

jul 18, 2018

O Bitcoin subia à máxima de cinco semanas nesta quarta-feira, já que a Mastercard registrou uma patente para aumentar as velocidades de transações com moedas alternativas.

O bitcoin era negociado a US$ 7.459,70, em alta de 10,16%, na corretora Bitfinex às 09h55.

A Mastercard (NYSE:MA) está tentando encontrar formas de acelerar as transações de criptomoedas, de acordo com uma patente publicada na terça-feira.

"Há uma necessidade de melhorar o armazenamento e o processamento de transações que utilizam moedas blockchain", afirmou a patente.

"Por outro lado, as transações de pagamento tradicionais em moedas fiduciárias processadas usando redes de pagamento geralmente têm tempos de processamento que são medidos em nanossegundos ... Portanto, muitas entidades, particularmente comerciantes, varejistas, provedores de serviços e outros fornecedores de bens e serviços, podem ser cautelosos ao aceitar moedas em blockchain para produtos e para participar de transações blockchain. "

A gigante do processamento de pagamentos quer facilitar a aceitação de moedas virtuais por parte de comerciantes e varejistas, desenvolvendo uma nova conta de usuário que transferisse moedas digitais de uma parte para outra usando sistemas semelhantes para a moeda fiduciária.

Atualmente, leva cerca de 10 minutos para processar uma transação baseada em blockchain, em comparação com os nanosegundos para a moeda fiduciária ter a transação aprovada. Se tiver sucesso, pode aumentar os pagamentos de criptomoedas entre os comerciantes.

Criptomoedas estavam em alta de forma geral após a notícia. A capitalização total de mercado das criptomoedas subiu para US$ 296 bilhões no momento de redação desta matéria, o que se compara a US$ 269 bilhões na terça-feira.

O Ethereum avançava 6,12% para US$ 499,56 na corretora Bitfinex. O Ripple, terceira maior criptomoeda, subia 8,55% e era negociado a US$ 0,51548 enquanto o Litecoin era negociado a US$ 92,235, alta de 10,33%.