Benndorf Research atualiza carteira com “Bolsonaro matematicamente eleito”

out 08, 2018

A Benndorf Research também atualizou sua carteira mensal com base no resultado do primeiro turno da eleição. Para os analistas, o candidato Jair Bolsonaro (PSL) está “matematicamente eleito”.

Entre os ativos expostos ao dólar, a corretora reduziu exposição em Klabin (SA:KLBN11) e Weg (SA:WEGE3). Na ponta compradora, a empresa que mais se beneficia é Gol (SA:GOLL4). Houve também a manutenção de Vale (SA:VALE3), apontada como o melhor hedge para as próximas semanas.

No lugar das exportadoras, os analistas enxergam Bradesco (SA:BBDC4) ainda atrasado. Para bens de capital, Randon (SA:RAPT4) vem surpreendendo e deve se beneficiar com um cenário interno mais benigno.

Adicionalmente, a Benndorg entende que se deve buscar empresas mais descontadas para o consumo interno com Iguatemi (SA:IGTA3) descontada em relação aos peers. A queda nos DIs longos deve bater direto na precificação dos shoppings.

Composição da carteira:

Itausa (SA:ITSA4) – 14%

Tenda (SA:TEND3) – 10%

Bradesco – 8,00%

Lojas Renner (SA:LREN3) – 8,00%

Magazine Luiza (SA:MGLU3) – 8,00%

Randon – 8,00%

Locamérica (SA:LCAM3) – 8,00%

Iguatemi – 8,00%

Gol – 7,00%

Tupy (SA:TUPY3) – 7,00%

Vale – 6,00%.