Após início negativo, Ibovespa inverte tendência e passa a operar em alta

out 17, 2018

Após iniciar a sessão no negativo, tendo como pano de fundo um ambiente externo menos favorável e com as ações do setor elétrico liderando as perdas, o Ibovespa inverteu a tendência e agora passa a subir 0,24% aos 85.920,08 pontos e volume de negócios de R$ 6,153 bilhões.

Além de quedas menos expressivas das ações da Eletorbras, contribuem para a reação o desempenho de ativos como B2W (SA:BTOW3), Marfrig (SA:MRFG3) e Gol (SA:GOLL4).

Na terça-feira, o Ibovespa avançou 2,83 por cento, fechando a 85.717,56 pontos, beneficiado por fortes ganhos nos pregões em Nova York.

“Após o forte movimento na bolsa brasileira e nos índices norte-americanos na sessão da véspera, os mercados domésticos podem passar hoje por algum ajuste”, afirmou a equipe da corretora Ágora, avaliando que o clima de maior cautela reflete as expectativas pela agenda econômica do dia.

Entre os destaques está a ata da última reunião de política monetária do banco central dos Estados Unidos, o Federal Reserve, prevista para as 15h (horário de Brasília).

Em Wall Street, os principais índices acionários mostravam alguma fraqueza no começo do pregão, sem uma direção única, com resultados da IBM (NYSE:NYSE:IBM) desapontando e cautela antes da ata do Fed. O Dow Jones cai 0,36% aos 25.700,71 pontos, com o S&P 500 perdendo 0,20% aos 2.804,16 pontos.

A ausência de novidades relevantes sobre a disputa presidencial tende a manter o foco do mercado voltado para o exterior, assim como para o noticiário corporativo, com algumas prévias operacionais, entre outros comunicados, a poucos dias do começo da temporada de balanços no país.

Com Reuters.