Ações - Mercado futuro dos EUA em baixa com início de tarifas comerciais dos EUA

jul 06, 2018

Investing.com - O mercado futuro dos EUA apontava para uma abertura em ligeira baixa nesta sexta-feira, já que as tarifas comerciais contra a China entraram em vigor.

Os futuros do S&P 500 caíam quatro pontos, ou 0,15%, e marcavam 2.734,50 pontos às 07h47 enquanto os futuros do Dow recuavam 73 pontos, ou 0,30%, para 24.270,0 pontos. Enquanto isso, o índice de tecnologia de futuros do NASDAQ 100 tinha queda de 11 pontos, ou 0,16%, e estava em 7.114,00 pontos.

O conflito comercial entre as duas maiores economias do mundo começou com força na sexta-feira, quando as tarifas dos EUA sobre bens chineses no valor de 34 bilhões de dólares entraram em vigor às 0h01 em horário de Washington (01h01 em horário de Brasília). Tarifas adicionais sobre outros US$ 16 bilhões deverão entrar em vigor em duas semanas. Enquanto isso, o presidente dos EUA, Donald Trump, deu instruções para identificar mais US$ 300 bilhões em possíveis produtos chineses a serem tarifados.

A China também retaliou com tarifas sobre US$ 34 bilhões em produtos americanos, segundo a Xinhua News. Pequim já havia dito que imporia tarifas sobre os produtos agrícolas, as importações de petróleo bruto e os produtos veiculares dos EUA.

Tesla (NASDAQ:TSLA) estava entre as empresas com maiores ganhos antes do pregão, subindo 0,11%, ao passo que Facebook (NASDAQ:FB) avançava 0,03%

Por outro lado, Cisco Systems (NASDAQ:CSCO) caía 0,38%, a empresa de semicondutores Micron Technology Inc (NASDAQ:MU) recuava 0,32% e Intel (NASDAQ:INTC) tinha perdas de 0,32% após informações de que a Apple (NASDAQ:AAPL) não irá usar os modems 5G da empresa em seus iPhones de 2020.

Com relação a notícias econômicas, as folhas de pagamento não agrícolas serão divulgadas às 09h30.

Na Europa, as bolsas estavam majoritariamente estáveis. O DAX da Alemanha subia dois pontos ou 0,02%, o CAC 40 da França avançava três pontos ou 0,06% e o FTSE 100 de Londres tinha queda de 10 pontos ou 0,14%. Enquanto isso, o índice pan-europeu EURO STOXX 50 avançava dois pontos ou 0,06% enquanto o IBEX 35 tinha alta de três pontos ou 0,04%.

Com relação a commodities, os contratos futuros de ouro recuavam 0,28% para US$ 1.255,30, ao passo que os contratos futuros de petróleo dos EUA caíam 0,37% e eram negociados a US$ 72,67 o barril. O índice dólar, que mede a força da moeda frente a uma cesta ponderada de seis principais divisas, recuava 0,70% para 94,06.