Ações - Mercado futuro dos EUA em alta devido a negociações com o Canadá

ago 28, 2018

O mercado futuro dos EUA estava em alta nesta terça-feira, já que os EUA e o Canadá devem retomar as negociações sobre um acordo comercial.

Os futuros do S&P 500 avançavam 2 pontos ou 0,09%, para 2.901,25 às 07h50 enquanto os futuros do Dow subiam 22 pontos, ou 0,08%, e marcavam 26.099,0. Enquanto isso, o índice de tecnologia de futuros do NASDAQ 100 avançava 14 pontos, ou 0,18%, para 7.582,00 pontos.

Todos os três índices fecharam em máximas recordes na segunda-feira após a notícia de que os EUA e o México chegaram a um acordo comercial que substituiria o Tratado Norte-Americano de Livre Comércio (NAFTA, na sigla em inglês). O Canadá foi excluído das negociações desde julho, mas os três países pretendem fechar um acordo até o final de agosto. O presidente dos EUA, Donald Trump, alertou que ele ainda pode impor tarifas aos automóveis canadenses se eles se recusarem a concordar com o novo acordo.

Enquanto a temporada de lucros do segundo trimestre se aproxima do fim, espera-se que ss varejistas Best Buy Co Inc. (NYSE:BBY) e Tiffany & Co (NYSE:TIF) divulguem seus balanços antes do pregão.

Enquanto isso, Netflix (NASDAQ:NFLX) estava entre as empresas com maiores ganhos antes do pregão, subindo 0,69% enquanto Intel (NASDAQ:INTC) avançava 0,7% e Advanced Micro Devices Inc (NASDAQ:AMD) tinha ganhos de 1,11%.

Por outro lado, Tesla (NASDAQ:TSLA recuava 0,08% enquanto Coca-Cola (NYSE:KO) caía 0,26%.

Com relação a notícias econômicas, o índice da confiança do consumidor será divulgado às 11h00. A balança comercial dos EUA em julho será divulgada às 09h30.

Na Europa, as bolsas estavam em diferentes direções. O DAX da Alemanha subia 24 pontos ou 0,19%, o CAC 40 da França avançava 14 pontos ou 0,26% e o FTSE 100 de Londres tinha alta de 26 pontos ou 0,36%. Enquanto isso, o índice pan-europeu EURO STOXX 50 recuava um quarto de ponto ou 0,01% enquanto o IBEX 35 tinha queda de 41 pontos ou 0,43%.

Com relação a commodities, os contratos futuros de ouro avançavam 0,35% para US$ 1.220,30 a onça troy, ao passo que os contratos futuros de petróleo dos EUA subiam 0,22% e eram negociados a US$ 69,02 o barril. O índice dólar, que mede a força da moeda frente a uma cesta ponderada de seis principais divisas, recuava 0,13% para 94,55.