Ações - Mercado futuro dos EUA em alta com foco em cúpula da Otan

jul 12, 2018

O mercado futuro dos EUA estava em alta na quinta-feira, já que a cúpula da Otan em Bruxelas estava em foco e o presidente dos EUA, Donald Trump, manifestou-se em favor da aliança.

Os futuros do S&P 500 avançavam 15 pontos, ou 0,54%, para 2.789,0 pontos às 07h47 enquanto os futuros do Dow subiam 177 pontos, ou 0,72%, para 24.866,0 pontos. O índice de tecnologia de futuros do NASDAQ 100 avançava 34 pontos ou 0,47% para 7.287,75 pontos.

Trump disse que os EUA estão comprometidos com a Otan ao participar do último dia da cúpula da Otan em Bruxelas.

"Eu acredito na Otan", disse Trump em entrevista coletiva na manhã de quinta-feira.

Os investidores estão observando de perto as tensões comerciais entre os EUA e a Europa na cúpula. O presidente dos EUA tuitou na quinta-feira que todas as nações da Otan devem cumprir sua meta de compromisso de 2%, e o número deve eventualmente aumentar para 4%.

A temporada de resultados continua nesta quinta-feira, com Delta Air Lines (NYSE:DAL) apresentando seu relatório do segundo trimestre antes da abertura.

Twitter Inc. (NYSE:TWTR) estava entre as empresas com maiores ganhos antes do pregão, subindo 1,71%, ao passo que Tesla (NASDAQ:TSLA) avançava 0,68% e a empresa de semicondutores Micron Technology Inc (NASDAQ:MU) estava em alta de 0,52%.

Além disso, Netflix (NASDAQ:NFLX) caía 0,46% enquanto Helios and Matheson Analytics Inc (NASDAQ:HMNY) despencava 11,30% após anunciar uma oferta pública de ações.

Com relação à economia, pedidos de seguro-desemprego e dados da inflação serão divulgados às 09h30. Ambos os conjuntos de dados darão aos investidores indicações sobre a saúde da economia dos EUA.

Na Europa, as bolsas estavam em alta. O DAX da Alemanha subia 71 pontos ou 0,57%, o CAC 40 da França avançava 34 pontos ou 0,64% e o FTSE 100 de Londres tinha alta de 59 pontos ou 0,78%. Enquanto isso, o índice pan-europeu EURO STOXX 50 tinha alta de 11 pontos ou 0,35% enquanto o IBEX 35 da Espanha subia 10 pontos ou 0,11%.

Com relação a commodities, os contratos futuros de ouro permaneciam estáveis em US$ 1.244,40 a onça troy, ao passo que os contratos futuros de petróleo dos EUA avançavam 0,80% para US$ 70,94 o barril. O índice dólar, que mede a força da moeda frente a uma cesta ponderada de seis principais divisas, avançava 0,07% para 94,55.