Ações da Klabin entram em ex-dividendos na segunda; yield chega a 0,84%

ago 03, 2018

A jornada desta sexta-feira é a última para o investidor se posicionar com os ativos da Klabin (SA:KLBN11) para fazer jus ao recebimento proventos na categoria dividendos. Dessa forma, as ações da companhia passam a ser negociados em ex-direitos na próxima segunda-feira.

Serão distribuídos aos acionistas, posicionados com os papéis no fechamento do dia de hoje, um total líquido de R$ 0,168 para cada ação. O montante representa, considerando o valor de fechamento da sessão de ontem na B3, yield de 0,84%.

Na terça-feira, será a vez as ações da Grendene (SA:GRND3) entrarem em ex.

A Klabin registrou um prejuízo líquido de 955 milhões de reais no segundo trimestre, ante prejuízo de 378 milhões de reais no mesmo período do ano passado, em resultado impactado pela variação cambial sobre a dívida, informou a produtora de papel e celulose nesta segunda-feira.

O resultado operacional medido pelo lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda) ajustado, por sua vez, subiu 49 por cento na comparação anual, para 884 milhões de reais, favorecido por preços mais altos e também pelo câmbio. A margem Ebitda avançou 10 pontos percentuais, para 40 por cento na comparação anual.

A empresa destacou que a receita líquida subiu 13 por cento para 2,235 bilhões de reais, apesar da greve dos caminhoneiros no fim de maio e da parada para manutenção da Unidade Puma terem afetado as vendas totais. Para contornar os problemas causados pelo movimento grevista, a empresa disse que focou em mercados menos afetados e de alta rentabilidade.