Ações da Eletropaulo recuam quase 4%; Aneel aprova reajuste anual de tarifas

jul 03, 2018

Investing.com - No começo da tarde desta terça-feira, as ações das Eletropaulo (SA:ELPL3) operam em forte queda de 3,87% a R$ 38,70, com o mercado não recebendo bem a notícia de que a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) autorizou elevação nas tarifas em média 15,8% o a partir de quarta-feira.

De acordo com a agência, o reajuste leva em consideração custos da empresa e outras questões, como encargos setoriais que custeiam subsídios nas contas de luz. A alta para os clientes da Eletropaulo será de 15,08 por cento para os clientes residenciais e 17,67 por cento para os industriais, conectados em alta tensão.

A Eletropaulo é responsável pelo fornecimento de energia em 24 municípios da região metropolitana de São Paulo, com 7,1 milhões de unidades consumidoras, segundo a Aneel.

No último dia 26, a agência aprovou a aquisição do controle societário da distribuidora de eletricidade paulista Eletropaulo pela italiana Enel (MI:ENEI).

A Enel fechou no início do mês a compra de mais de 70 por cento das ações da Eletropaulo por cerca de 5,55 bilhões de reais, após uma oferta pública de aquisição pela companhia.

De acordo com o despacho da Aneel, a Eletropaulo deverá enviar ao órgão documentos que comprovem a formalização da operação e como fica a situação da companhia após o negócio no prazo de até 120 dias.

A Enel já havia obtido, ainda em maio, um aval prévio do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) para o negócio pela Eletropaulo.

Com Reuters.